Uber planeja aumentar a segurança de seus motoristas

O uso do Uber cresceu muito no Brasil, principalmente após a implementação do pagamento em dinheiro. Junto com o crescimento das corridas e o número de passageiros veio também um problema: a violência. Notícias de assaltos a motoristas do Uber estão começando a ficar comum nos noticiários, inclusive com mortes dos motoristas.

LEIA TAMBÉM Uber é processado após dar informações sobre traição de marido.

Não é dificil pegar uma corrida sem que o motorista relate algum momento de tensão ao aceitar corridas com pagamento em dinheiro, e também solicitações em zona consideradas perigosas (como comunidades carentes). Diferente dos taxistas, no Uber os motoristas não podem ficar recusando corridas (podem pegar um ‘gancho’ do app) e nem sabem para aonde vão até aceitar a corrida.

Uma das reclamações feitas pelos motoristas é que usuários criam contas falsas, pedem corrida para lugares perigosos e acabam assaltando os motoristas e ficam impunes. Agora a empresa optará que os motoristas não aceitem pagamento em dinheiro (só aparecia corridas pagas no cartão), os usuários para se cadastrarem terão que utilizar um número de documento oficial e usuários que ficarem cancelando muitas corridas ou mostrarem qualquer outro comportamento suspeito terá sua conta bloqueada.

Via Engadget.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.