Uber começará a substituir ônibus em cidades americanas

Enquanto aqui prefeituras e companhias de táxis brigam com o Uber, nos EUA o governo começa a abraçar o sistema novo de transporte. O condado de Pinellas, na Flórida, removeu sua linha de ônibus menos utilizada e vai utilizar os gastos referentes à ela para subsidiar 50% das viagens realizadas até um dos pontos de ônibus de lá. O objetivo é integrar os moradores de regiões distantes ao sistema de transporte público já existente. Segundo a agência o custo deste novo programa será em torno de US$ 40 mil, um quarto do dinheiro investido nas linhas de ônibus.

Há também outras iniciativas parecidas. Em Centennial, Colorado, a prefeitura relizará uma parceria com a Lyft, concorrente do Uber, para substituir a unica linha de ônibus que liga a região ao trem, e vice-versa. Cada passagem de ônibus custava cerca de US$ 20 e segundo Cathy Noon, prefeita da cidade, as viagens pelo Lyft custarão bem menos. E será a primeira vez que o governo usa recursos públicos para custar passagens de Lyft.

Nem tudo são flores nesta transição, há uma série de desafios a se transpor. Um deles é: e quem não tem smartphones, como serão atendidos? Por mais que os estes aparelhos tenha invadido a vida das pessoas, ainda há aqueles que não o querem ter e o governo deve atender a todos. Ainda no hall dos atendimentos, também há de se pensar num serviço para portadores de necessidades especiais.

Essas parcerias substituem empregos formais do setor público, com garantias e direitos de proteção ao trabalhador, por uma categoria até então sem reconhecimento  e com quase nenhum direito.

Via Olhar Digital.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.