Mulher Maravilha | Zack Snyder fala sobre como a heroína provocou a união da Liga da Justiça

Desde Batman v Superman, a história da Mulher Maravilha ainda continua a ser um grande mistério. Ao falar com a revista Empire, o diretor Zack Snyder revelou mais sobre a Princesa Amazona.

mulhermaravilha_4-1-420x325Conforme relatado pelo ComicBookMovie, a revista Empire revela que a Mulher Maravilha tem mais de 5000 anos de idade no início de BvS e que já tinha pendurado o laço “porque ela já viu de tudo, tendo visto o que os seres humanos podem fazer e por isso era muito difícil para ela voltar a lutar.” Mas os acontecimentos do filme a levou a sair da aposentadoria.

A produtora executiva de BvS, Deborah Snyder, falou sobre o papel de Mulher Maravilha no filme e sobre seu filme de solo, que é quase 100 anos antes de Origem da Justiça.

“Sua sexualidade é parte de seu poder, mas ela também é um ícone feminista”, disse Deborah Snyder. “Sexo tem sido um tema quente, por isso é muito oportuno trazê-la de volta na forma como temos abordado. Especialmente numa história de origem. É um filme de época e vemos o papel das mulheres através da história.”

Gal Gadot falou sobre o duplo papel que ela desempenha como Princesa e Mulher Maravilha, dizendo que “elas têm a mesma atitude. Embora quando ela é Diana tenta se misturar, mesmo não sendo muito extrovertida. Ela não quer que as pessoas pensem que ela é perfeita. Ela pode ser impertinente.”

O diretor Zack Snyder acrescentou que “foi incrivelmente orgânico como Mulher Maravilha entra na história.” Na verdade, acrescenta que é a Mulher Maravilha que coloca a Liga da Justiça mais próxima de existir. “Todo o conceito veio de, ‘Não vamos salvar nada. Vamos tentar tudo.’ Em seguida, a entrada da Mulher Maravilha nos faz perceber que estávamos muito mais perto da Liga da Justiça do que pensávamos.”

Mulher Maravilha estreia em junho nos cinemas.

Para conferir os segredos do trailer de Mulher Maravilha, acesse:

 

você pode gostar também Mais do autor

3 Comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.